Cultura

Apresentação da Orquestra da UFRN ao Papa Emociona Público no Vaticano

O argentino Papa Francisco provou da música brasileira nesta última quarta-feira (12). O concerto histórico da Orquestra Sinfônica da UFRN, realizado no Vaticano para o Santo Pontífice, foi considerado pelo embaixador do Brasil em Roma, Antônio de Aguiar Patriota, como “a melhor performance artística” em sua gestão, iniciada em 2016. A Orquestra comandada pelo maestro André Muniz, acompanhada do Madrigal da UFRN se apresentou hoje (13) no Conservatório Licinio Refice, ainda em Roma, junto a músicos italianos.

“Os dois concertos foram incríveis. Na embaixada eles não economizaram gentileza. O público foi impecável, com direto a lágrimas e manifestações de carinho e orgulho ao final. Nos ofereceram um coquetel com muito vinho, champagne e caipirinha. E a apresentação para Papa foi emocionante. Todo o grupo ficou extremamente orgulhoso ao ouvir o Santo Padre citar e agradecer à UFRN. Em seguida foi lido um texto em português repetindo o agradecimento”, disse orgulhoso o diretor da Escola de Música da UFRN, Jean Joubert.

A oportunidade de se apresentar ao Papa se deu “quase por providência divina”, como brincou o maestro André Muniz. “Padre José Mário estava no concerto que executamos a ‘Grande Missa Nordestina’ na Antiga Catedral, em dezembro do ano passado. Ao final do concerto, ele disse emocionado: ‘Esta é uma obra que o Papa Francisco certamente se emocionaria ao escutar. Já pensou um Papa argentino escutando uma missa em latim, mas com elementos rítmicos e melódicos do Nordeste Brasileiro em pleno dia da Padroeira das Américas?’. 

Sugestão feita, a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz entrou em contato com o arcebispo Dom Jayme, que encaminhou um histórico da Orquestra e do Madrigal ao Vaticano. E no dia de celebração dos 60 anos da UFRN, a Reitoria recebeu a confirmação do concerto. Antes, ainda em novembro, foi realizado o concerto Rumo a Roma, no Teatro Riachuelo, com o mesmo repertório apresentado ontem ao Papa.

No repertório foram executadas as peças ‘Magnificat Aleluia’ de Heitor Villa-Lobos; a própria ‘Grande Missa Nordestina’, do compositor pernambucano Clovis Pereira; a premiére de uma Obra de Danilo Guanais, o ‘Regina Coeli’; O Guarani, de Carlos Gomes; Pinos de Roma, de Ottorino Respigui, entre outras. “Hoje muitos integrantes da orquestra são oriundos de diversos estados do Brasil. Então demos protagonismo à música feita e produzida no Brasil. O nosso diferencial é que produzimos em uma qualidade que sinceramente não deve a muitas orquestras profissionais”, concluiu André Muniz.

Arte, Cultura

Agenda Cultural do Final de Semana Dentro do Natal em Natal

A programação cultural da Prefeitura do Natal para o fim de semana está repleta de opções para todos os gostos e estilos, reforçada pela agenda dos projetos inseridos no Natal em Natal. Seja através de ações da Lei Djalma Maranhão, da Funcarte através do Cultura na Cidade e ocupação de espaços culturais, o público poderá ter acesso a projetos de Dança, espetáculos infantis, shows, concertos, concursos, exposições e muito mais. Confira a programação:

SÁBADO (17)

CAMINHADA HISTÓRICA NO CENTRO DE NATAL

A partir das 14h, a Cidade Alta recebe a 7ª edição da Caminhada Histórica do Natal. Memórias, cultura e lazer se encontram neste projeto que integra a programação do Natal em Natal. A saída será da Praça André de Albuquerque e vai percorrer 19 monumentos e atrações históricas, explicando sobre suas origens e importância. Durante o encerramento, a atração musical será por conta de Jaina Elne.

SÁBADO (17)

FINAL DO CONCURSO DE MÚSICA DA CIDADE DO NATAL

Neste sábado, na Praça Augusto Severo (Ribeira) acontece a grande final do 1º Concurso de Música da Cidade do Natal – Cantando a História, dentro da programação da Caminhada História, projetos integrantes do Natal em Natal. A competição consiste em composição e apresentação de canções inspiradas na capital potiguar, especialmente em seu centro histórico, suas tradições e atrativos turísticos. Estão classificadas 12 canções assinadas por 17 compositores que vão desde samba até forró, reggae e bolero. Os três primeiros colocados no quesito composição e o melhor intérprete recebem premiação financeira, além de troféu criado pelo artista visual Guaraci Gabriel. As premiações são: 1º Lugar – R$ 2.500,00; 2º Lugar – R$ 1.500,00; 3º Lugar – R$ 1.000,00; Melhor Intérprete: R$ 2.000,00.

SÁBADO (17)

MERCADO DAS PULGAS

Neste sábado (17) tem mais uma edição do Mercado das Pulgas, projeto incentivado pela Prefeitura do Natal através da Lei Djalma Maranhão. A Praça Cívica se transforma num espaço de Feira de antiguidades e artesanato, sebos, brechós, colecionáveis, artistas locais e diversão. A entrada é franca e começa a partir das 15h. Às 17h tem os palhaços Bisteca e Bochecinha e às 19h a banda que mistura rock, rhythm’ and blues, latinidades, SangueBlues, enchendo o ambiente com sua música.

SÁBADO (17)

CONCERTO DA BANDA SINFÔNICA

A tradição da Banda Sinfônica da Cidade do Natal estará presente neste sábado no Encontro de Corais de Natal (ENCONAT), no CEMURE (lateral da Rodoviária Nova, a partir das 19h. O acesso é gratuito e a apresentação de sábado faz parte do calendário dos concertos didáticos que a Banda Sinfônica realizada em várias escolas municipais de Natal dentro do Natal em Natal, promovido pela Prefeitura do Natal.

SÁBADO (17)

DANÇANDO NAS DUNAS

O projeto Dançando nas Dunas deste sábado (17), apresenta a CIA Jovem da EDTAM com o espetáculo “O Despertar de Flora”, de Marius Petipa. O espetáculo é sobre os preparativos para casamento de Flora com Zéfiro, Deus do vento oeste. A união, que é abençoada pelos Deuses Apollo, Diana e Hebe, é celebrada com o “grand pas de deux”. ENTRADA FRANCA ao espetáculo (o acesso ao Parque custa apenas R$ 1). INÍCIO: 16h30.

SÁBADO (17)

ENSAIO ABERTO “MENINA” NO PARQUE DA CIDADE

Neste sábado, a partir das 15h30, o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte recebe o ensaio aberto do projeto “Menina”, de Ezequias Lira e Patrícia Leal. Trata-se de um show de voz e violão que vai ocupar o Memorial num projeto em parceria com o NAC e Deart, da UFRN. ENTRADA FRANCA.

TERÇA-FEIRA (20)

ABERTURA EXPOSIÇÃO LEOPOLDO NELSON

Na próxima terça-feira (20), a galeria Newton Navarro, sede da Funcarte, recebe a exposição em homenagem ao artista potiguar Leopoldo Nelson (1940-1994). São 26 obras do artista, entre pinturas em tinta a óleo, tinta acrílica e desenhos, além de 3 fotografias e um pôster de exposição na Suíça. Os acervos da família e de amigos do artista estarão à disposição do público a partir das 19h, quando acontece o coquetel de abertura. Leopoldo Nelson nasceu em Natal em 1940 e faleceu precocemente em 1994. A mostra oferece ao público um pequeno e variado recorte da extensa obra artística deste médico neurologista e cientista. Sua paixão pela pintura como canal de comunicação de sua psicologia e de suas reflexões mais profundas serve sempre como estímulo à entrega, à reflexão, ao compromisso com nossas paixões e à compreensão da importância da vivência poética para todos nós. ABERTURA 19h. ENTRADA FRANCA.

Arte, Cultura

Bazar Independente Traz Ator e Roteirista Daniel Furlan

Neste sábado (20), será realizada a quarta edição do ano do Bazar Independente. Mais uma vez, com apoio do Edital Territórios, lançado pela Prefeitura do Natal através da Secretaria de Cultura de Natal (Secult/Funcarte).

O projeto impulsiona a economia criativa local, além de promover um bate-papo com o roteirista, ator e escritor Daniel Furlan da TV Quase, um dos criadores do agora global humorístico “Choque de Cultura”.

Daniel Furlan é roteirista, ator, comediante e um dos criadores da TV Quase, certamente uma das produtoras de conteúdo audiovisual mais relevantes da atual cena brasileira. Entre os programas escritos por ele estão “Choque de Cultura”, “Falha de Cobertura”, o programa de entrevistas de Tatá Werneck e a animação “Irmão do Jorel”. Também tem atuado em inúmeras séries, filmes e participado de entrevistas nos principais canais. Mês que vem, lançará o livro “79 filmes para ler enquanto dirige”.

Para o encerramento desta edição do Bazar Independente, a atração musical é a banda Joseph Little Drop que mistura punk rock com altas doses de humor e pitadas de psicopatia. O nome escolhido, “Joseph Little Drop”, inclusive já dá mostras do engajamento político do conjunto ao alertar para a importância da vacinação para a saúde das crianças.

Edital Territórios

Com o Edital Territórios da SECULT e da FUNCARTE, o Espaço Duas realizou duas edições do Bazar Independente, além de oficinas de produção de conteúdo audiovisual (vídeo-portfólios) com atores locais.

Programação Bazar Independente

– 16h – BAZAR INDEPENDENTE – abertura dos portões

– 18h – Bate-papo com Daniel Furlan – TV Quase, Falha de Cobertura e Choque de Cultura

– 19h30 – Show com Joseph Little Drop

Serviço:

Bazar Independente | Especial Crônica Falada (Edital Territórios – FUNCARTE)

Local: Espaço Duas, Rua Praia de Diogo Lopes, 2197, Ponta Negra. (Próximo à praça do Disco Voador).

Data: 20 de outubro de 2018 (sábado)

Hora: Das 16h às 22h

Cultura, Música

Amanhã, Véspera de Feriado, Tem Grande Encontro do Samba com Jorge Aragão e Péricles

A terça-feira (2 de outubro), véspera de feriado, Natal vai entrar para a história do samba. A capital potiguar vai receber a primeira edição do “Grande Encontro do Samba”, reunindo os mitos Jorge Aragão, Péricles, Preto no Branco e Mesa Doze, no Boulevard da avenida Maria Lacerda, em Nova Parnamirim. A venda de ingressos (individuais, mesas e cadeiras) já começou na Bransk (Midway Mall) e através do http://outgo.com.br/grandeencontrodosamba. Na segunda-feira, dia 24, tem virada de lote no dia 24. Informações no 99842-5942 e através da Telepequisa.

O Grande Encontro do Samba reúne várias gerações do ritmo mais popular e genuinamente brasileiro. Jorge Aragão e Péricles, duas lendas do gênero, terão ao seu lado dois nomes da cena potiguar que representam bem o encontro de gerações, Preto no Branco e Mesa Doze.

A lenda Jorge Aragão, nascido no subúrbio de Padre Miguel, no Rio de Janeiro, Jorge Aragão da Cruz é cantor, sambista e compositor de inúmeros sucessos. Quase todos os grandes intérpretes de samba (Beth Carvalho, Alcione, Zeca Pagodinho, Martinho da Vila) têm suas canções no repertório. Dono de um talento incomum, além de romântico e espirituoso, Jorge é, sem dúvida, uma pessoa fascinante, com plena convicção de sua trajetória terrena e que sabe como poucos retribuir o que recebeu. Com quase 30 anos dedicados inteiramente à MPB, Jorge Aragão continua um trajetória de sucesso, de mente aberta, vanguarda e constante renovação.

Péricles, ícone dos anos 1990, nascido em Santo André (SP), teve o primeiro contato com a música participando de festivais nas dioceses. Apaixonado por samba, fez parte de alguns grupos até que, em 1986, integrou o Exaltasamba, do qual foi um dos fundadores. O cantor e compositor, durante os 26 anos que a banda existiu, lançou 15 CDs, quatro DVDs, teve mais de 15 milhões de discos vendidos, e viajou com seus shows por todo o Brasil. Em maio de 2012, Péricles iniciou sua carreira solo e gravou o CD e DVD Sensações. Em 2013, após o sucesso solo, Péricles lançou seu segundo trabalho, quando fez uma homenagem ao pagode dos anos 90, período em que o artista considera um dos mais produtivos do samba e surgiram grandes nomes do segmento.

Grande Encontro do Samba

Jorge Aragão, Péricles, Preto no Branco e Mesa Doze

Dia 2 de outubro (véspera de feriado)

Local: Boulevard (Maria Lacerda, Nova Parnamirim)

Vendas: Bransk (Midway Mall) e http://outgo.com.br/grandeencontrodosamba

Opções: Individuais, mesas e cadeiras

Informações 99842-5942 e Telepequisa

Cinema, Cultura

O Primeiro Laboratório Criativo do Cinema Potiguar Será em Outubro e Doze Roteiros Serão Premiados

Sabe aquele roteiro (ou argumento) que você guarda há um tempo em algum doc do Word perdido aí no seu computador? Pois bem! Chegou a hora de lapidar esse projeto e deixá-lo prontinho para virar um filme de verdade. Como? A gente explica agora!

Evidenciando o Roteiro, o LaP, Laboratório Criativo do Cinema Potiguar, vai premiar 12 roteiros (ou argumentos) inéditos de realizadores iniciantes com a participação em um dos três laboratórios criativos desta edição: “Cinema Independente Brasileiro”, com Daniel Calil (GO); “Cinema de Horror e Suspense”, com Matheus Arruda (PE); e “Cinema LGBTQ+”, com Henrique Arruda (PE/RN).

Ao todo serão 5 dias de imersão, entre 22 e 26 de outubro, no Laboratório de Comunicação (Labcom), da UFRN, nos quais os 12 roteiristas selecionados receberão uma consultoria dos realizadores convidados, para que possam chegar às versões finais de suas histórias. 

Para se inscrever basta acessar a página do LaP no Facebook, preencher o formulário online, e logo em seguida enviar o roteiro (ou argumento) de seu curta-metragem inédito de ficção para o e-mail falecomolap@gmail.com. As inscrições são gratuitas e seguem abertas até o dia 28 de setembro.

“Projetos de laboratórios audiovisuais precisam ser estimulados sempre, porque apostar na troca de conhecimentos, e na formação, é fundamental para o fortalecimento da cena, então acreditamos nesse projeto como uma semente”, opina Henrique Arruda, diretor do Lap e oficineiro desta edição.

“O audiovisual potiguar vivencia um momento de crescimento, o LaP vem somar com esse momento, fomentando o estudo na área de roteiro, possibilitando o aprofundamento em 12 roteiros para serem desenvolvidos posteriormente por seus realizadores”, reforça Arlindo Bezerra, produtor do LaP.

Painéis e Mostras

Além dos 3 laboratórios criativos para os 12 roteiros selecionados, o LaP vai realizar também uma programação paralela e aberta ao público com painéis sobre diversos temas do audiovisual independente, e mostras de filmes, além de uma premiação para os roteiristas vencedores. A programação completa será divulgada nas próximas semanas, através das redes sociais do laboratório, no Facebook (fb.com/laboratoriocriativodocinemapotiguar) e Instagram (@lapcinema).  

A primeira edição do LaP, Laboratório Criativo do Cinema Potiguar, ocorre entre 22 e 26 de outubrona UFRN, com patrocínio do SEBRAE, realização da Bobox Produções Culturais e apoio do Departamento de Comunicação da UFRN; ABOCA Audiovisual e Projeto Tela Livre.

*As inscrições são gratuitas, e seguem até sexta (dia 28 de setembro), através do preenchimento de um formulário online disponibilizado na página do LaP no Facebook.

Cultura

Natal Sedia Fórum para Debater o Forró como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil

Coordenadora do Fórum Nacional do Forró e presidente da Associação Cultural Balaio Nordeste (ACBN), a produtora cultural paraibana Joana Alves foi uma das responsáveis por liderar o momento que culminou com o registro da candidatura do Forró a Patrimônio cultural Imaterial do Brasil, realizado em maio deste ano, com a entrega da carta do Fórum Nacional do Forró de Raiz ao Ministério da Cultura. Ela estará em Natal nesta quarta-feira (26), às 9h, para se reunir com o secretário de Cultura de Natal, Dácio Galvão e com o departamento de patrimônio da Prefeitura do Natal, para definir a programação da etapa local do Fórum do forró de Raiz, que será em Natal no dia 13 de novembro, no Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão.

Após a aprovação do Cordel como Patrimônio Imaterial, o movimento em prol do forró tem como objetivo é debater o tema e dar suporte ao processo de pesquisa, em análise do Instituto do Patrimônio Histórico Artístico e Nacional (Iphan). O fórum conta com a parceria do Museu do Vaqueiro, e terá entre os debatedores os pesquisadores Marcos Lopes, Luís Assunção, Gutemberg Costa e Joana Alves.

Como funciona

O registro da candidatura a patrimônio imaterial é analisado pelo Instituto do Patrimônio Histórico Artístico e Nacional (Iphan), vinculado ao Ministério da Cultura, e depende ainda de um processo que inclui pesquisas e análises sociais e antropológicas.

De acordo com o diretor do Departamento de Patrimônio Imaterial do Iphan, Hermano Queiroz, a política de salvaguarda feita pelo Ministério Cultura, por meio do instituto, tem sido reconhecida pelos organismos internacionais como uma das mais exitosas do mundo. “É necessário ressaltar que esse reconhecimento não significa o simples recebimento de uma titulação ou um selo. O registro desse bem cultural tem, sobretudo, impacto social. Um patrimônio imaterial deve ter um forte componente social, por esta razão, a mobilização precisa vir diretamente de grupos sociais”, afirmou em maio deste ano, durante a inscrição da candidatura.

Cultura

Brasil Terá o Maior Sino do Mundo

Sino 1

O maior sino do mundo está pronto para ser enviado ao Brasil. A peça, que pesa 55 toneladas, foi apresentada na quinta-feira, 20, pelo seu fabricante em Cracóvia, na Polônia.

Batizado de Vox Patris, o sino tem quatro metros de altura e 4,5 metros de diâmetros. A peça será instalada na Basílica do Divino Pai Eterno, localizada em Trindade, no estado de Goiás, e ficará numa torre de 100 metros de altura. “Os preparativos e os testes duraram quase quatro anos”, afirmou o proprietário da empresa, Piotr Olszewski. Na primeira tentativa, o molde não aguentou e rachou, provocando o vazamento do metal. “Foi necessário começar outra vez, e na segunda tentativa obtivemos sucesso”, acrescentou.

Sino 2

Feito de estanho e cobre, o sino será ativado por quatro motores. O maior desafio agora é seu transporte para o Brasil. A viagem de barco com peça deve durar aproximadamente um ano. O sino do Brasil vai desbancar o atual maior do mundo que está em Gotemba, no Japão.

Fonte: Deutsche Welle