Câmara Municipal

Audiência Pública Discute Ações de Combate e Prevenção a Alagamentos em Natal

Integração entre os órgãos, cumprimento do plano diretor de drenagem, execução de campanhas educativas e a implementação de iniciativas permanentes de manutenção do sistema de drenagem da capital potiguar. Essas foram as proposições sugeridas pelo vereador Felipe Alves (MDB) durante a audiência pública que ele promoveu na manhã desta sexta-feira (26) para debater as ações de combate e prevenção a alagamentos em Natal.

O encontro contou com as presenças de representantes da secretaria de Obras de Natal, Defesa Civil Municipal e Estadual, CREA/RN, Secretaria de Infraestrutura do Estado, Urbana Emparn, diversos vereadores e lideranças comunitárias.

Felipe Alves lembrou que historicamente a cidade sofre com os alagamentos. Para ele, isso ocorre em virtude de uma série de fatores como: estrutura deficitária do sistema de drenagem; deficiência na limpeza de lagoas de captação e galerias pluviais; falta de cooperação da população que descarta o lixo de forma errada; recursos escassos, dentre outros.

Mesmo reconhecendo essas dificuldades, o vereador disse que em 2019 a Semov só empenhou 5% do orçamento previsto para a execução da limpeza de lagoas de captação e alertou que a problemática dos alagamentos precisa ser enfrentada de forma mais efetiva, cobrando a existência de um maior diálogo entre órgãos públicos ligados ao tema.

“Organizamos essa audiência antes do período chuvoso mais intenso de Natal a fim de evitar maiores problemas. Essa é uma realidade penosa enfrentada pelos natalenses e precisamos agir para minimizar os transtornos. Fiquei feliz com os encaminhamentos da nossa audiência, com as propostas sugeridas pelo nosso mandato e agora é trabalhar de forma conjunta, organizada, planejada e fiscalizar o que vem sendo feito, já que de acordo com as previsões da Emparn teremos um inverno chuvoso este ano”, destacou Felipe.